Novas tecnologias que você vai encontrar nas lojas do futuro

Nosso jeito de fazer compras vai mudar nos próximos anos. Quem aposta nisso é Antonio Saramago.

Ele é o executivo-chefe no Brasil da Onthespot, empresa de tecnologia voltada para experiência de venda.

Vitrines

Equipadas com câmeras que monitoram o movimento para exibir conteúdo sob medida e capazes de interagir com quem passa por meio de ferramentas como Kinect, as vitrines interativas serão comuns nas lojas do futuro. "Ainda que sejam tecnologias diferentes, o objetivo é o mesmo: criar experiências positivas que façam você entrar na loja", explica Saramago.

Filas

Dentro das lojas do futuro, nada de demora: gerenciadores de fila vão agilizar o atendimento. Presentes em alguns estabelecimentos hoje, eles devem ganhar novos recursos - como a capacidade de enviar senhas para smartphones. Segundo Saramago, o objetivo dessas máquinas é direcionar o cliente diretamente para onde ele deseja, sem enrolação.

iBeacon

Os iBeacons são sensores que transmitem dados via Bluetooth. Conectados a smartphones e outros gadgets, eles podem ser úteis para fornecer informações sobre produtos e ofertas para quem estiver caminhando pela loja do futuro. É o fim do "posso ajudá-lo?".

Atendente

Atendentes virtuais são outra tecnologia que deve estar presente nas lojas do futuro. Porém, quem não abre mão do contato humano pode ficar despreocupado. De acordo com Saramago, essas máquinas sempre vão exigir operadores.  "Com essa tecnologia, alguém em Brasília poderá atender um cliente em São Paulo", promete ele.

Catálogos

Procurar produtos promete ser bem mais divertido com os catálogos interativos. Segundo Saramago, eles devem fazer parte do cenário das lojas do futuro. Além disso, Saramago afirma que essas telas poderão estar em sintonia com a música ambiente, por exemplo. "Numa agência de viagens, você pode ter imagens de um destino na tela enquanto música daquela região está tocando", explica.

Log In

Esqueceu sua senha? / Esqueceu seu usuário?